Thursday, June 01, 2006

A CRIATIVIDADE FAZ A DIFERENÇA

Maria da Glória Silveira iniciou os trabalhos com o tema da Copa do Mundo, em outubro, vendendo camisetas a partir de R$20 e bonés a R$15. Ela produz camisetas, bonés, panos de prato, luvas para forno, caixas para presentes, bolsas, lembrancinhas para casamentos e aniversários...
Foto: Marisa Lyon
Maria da Glória confecciona, em média, quatro camisetas por dia, dependendo da demanda, e fornece seus produtos para lojistas, particulares, e outros clientes. "Trabalho sob encomenda, pois não tenho como estocar. Tenho muita vontade de conseguir uma vaga na Feira de Artesanato da avenida Afonso Pena", comenta. Vendas: 31.3332.5374)

Já Maria Tereza dos Santos trabalhava com chocolates e doces, quando resolveu investir no artesanato, há 5 anos. Ela confecciona camisetas, com preços a partir de R$15, bonés a R$30 e cintos a R$10. Também desde outubro, vem fazendo bordados com o tema da Copa do Mundo. "São mapas, bandeiras, flores e coração verde-amarelo. O cliente pode sugerir a estampa", afirma. Segundo ela, o faturamento mensal é satisfatório. Ela começou trabalhando sozinha e hoje conta com a ajuda de nove pessoas. Seus trabalhos são expostos aos domingos, na Feira de Artesanato da avenida Afonso Pena. Maria Tereza disse que também fornece os produtos para particulares e lojistas, e exporta para os Estados Unidos. Ela ressalta que gosta muito do que faz e vê como vantagem o fato de ser dona do próprio negócio."Apesar da concorrência, vale a pena investir nesse ramo, mas é preciso gostar do que faz, ter paciência e muita criatividade", comenta. (Vendas: 31.3671.9700)
A ARTE EM FERRO FORJADO
Ângela Maria Pimentel produz obras de arte, fruteiras, objetos de decoração como tartarugas, borboletas, parreiras de uva para dependurar na parede, quadros em ferro misturados com cerâmica e peças para residências (guarda-corpo, cadeiras, mesas, bancos). O processo utilizado para confecção das peças é "a quente".
Foto: Marisa Lyon
Sua produção é pequena por ser uma atividade árdua e trabalhar apenas com um ajudante, mas tem conseguido atender à demanda. A clientela, em sua maioria, é composta por particulares e decoradores. Os preços são bem variados, dependendo do tipo de peça, e podem chegar até a R$8 mil. Ela disse que adora o que faz. "Eu já fiz todo tipo de trabalho manual, mas nenhum me agradava. Com o passar do tempo, descobri que tudo que era de ferro me encantava. A partir daí, que investi no aprendizado, mas nunca fiz curso", afirma. As idéias vão surgindo e as peças vão aparecendo. Imaginação e criatividade não faltam à artesã. (Vendas: 31.3398.0850)

2 Comments:

Anonymous Anonymous said...

Nice colors. Keep up the good work. thnx!
»

7:19 AM, July 21, 2006  
Anonymous Anonymous said...

I find some information here.

3:49 AM, July 23, 2006  

Post a Comment

<< Home